quarta-feira, abril 21, 2010

Mas o beijo..


Acabei por perceber que sentimentos não se pedem, pois não são dados, mas provocados. Incluo na categoria os beijos. Beijo mendigado não passa de boca com boca e língua a se misturar. Não é coisa que se peça e é ainda bem difícil de se negar. Por mais sincera que a recusa seja, quando se pede um beijo necessitasse muito de algo. Já dei muitos beijos assim, mas foram desperdiçados por falta de reticências, de paixão. Não tem ímpeto, mas sobra de pudor. Beijo pedido é diferente de beijo roubado que é insolente. Diferente de beijo que se concerte no olhar que é doce e devagar. Quando se pergunta, traz um ar de carência, displicência. Não pararei de dar beijos assim. São beijos. Assim como os pães da padaria da esquina são pães, mas nada se compara aqueles da rua estreita, à esquerda do mercadinho do lado da casa do amigo da sua tia. Sou uma garota com mente neo-capitalista livre de construtos. Não quero compromisso para tomar tempo e não sobrar nada pra academia. Só que sou romântica, apenas deixei o romantismo entre a pilha de livros e jornais do lado do meu computador. É difícil de encontrar, mas eu tenho, o quarto só está bagunçado...

Figuê

3 comentários:

Denisy disse...

Own, que lindo amr *--*
Beijos

Jck'R disse...

intensamente perfeito :)

Joyce L. disse...

Beijos Beijos

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Blog Template by YummyLolly.com - Sponsored by Free Web Space